Na próxima quarta-feira (10) o governo completa 100 dias no Palácio do Buriti. Até o momento o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, conseguiu aprovar 7 de 20 projetos enviados à Câmara Legislativa.

O que preocupa nesse saldo são duas coisas: primeiro, que todos os projetos foram protocolados em regime de urgência, quando apreciação deveria ter sido em até 60 dias. E também o fato do GDF contar com maioria na base da CLDF e mesmo assim ter dificuldades nas apreciações.

Muitas das propostas são consideradas fundamentais para o funcionamento da cidade e para o futuro do mandato. Diante da lentidão do legislativo o governo minimiza a questão:

“Não é intenção ter uma base grande. O governador está fazendo um trabalho sem qualquer tipo de toma lá dá cá. Ele não aceita dar nada em troca de voto. Os deputados devem votar de acordo com o que acreditam ser bom ou ruim para a cidade”, assegura o Chefe Executivo de Assuntos Parlamentares do DF, Bispo Renato Andrade.

Esse entendimento também foi expresso pelo governador Ibaneis Rocha que disse:”“Eu proponho o que acho correto para a cidade e eles precisam dizer sim ou não”.

Projetos importantes travados:

-Mudanças no Passe Livre: Medida impopular junto a população que acaba não sendo procrastinada, apesar dos problemas no sistema.

-Redução de impostos (como ITCD e ITBI): No dia da votação os próprios aliadas esvaziaram o plenário. A resistência da oposição é que não há compensação para uma renúncia fiscal de R$ 283,3 milhões para os próximos três anos.

-Extinção da Agefis: A oposição critica a falta de uma organização no processo de transição.

-Mudança no processo de escolha dos administradores regionais: sem previsão para avaliação da CLDF.

Principais projetos aprovados:

-Criação do Instituto de Gestão Estratégica do DF (Iges-DF): responsável pela administração de UPas e Hospitais.

-Reestruturação do Cartão Material Escolar: Ao todo, 40.857 famílias e 69.987 estudantes serão beneficiados

-Gratificação para Policiais Civis para trabalho em dias de folha: medida que garantiu o funcionamento de todas delegacias em regime de 24 horas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here